Edital do Prêmio de História da Medicina Professor Jesuíno Netto 2016 PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Tuesday, 05 July 2016 17:14

INSTITUTO BAHIANO DE HISTÓRIA
DA MEDICINA E CIÊNCIAS AFINS – IBHM

www.ibhmca.org.br



EDITAL/2016 - PREMIO DE HISTÓRIA DA MEDICINA PROFESSOR JESUINO NETTO



1 - CONSIDERAÇÕES GERAIS



1.1 - O Prêmio de História da Medicina Professor Jesuino Netto é uma iniciativa do Instituto Bahiano de História da Medicina e Ciências Afins, doravante referido como IBHM. Foi instituído em 1º de dezembro de 2011.

1.2 - Homenageia Antonio Jesuíno dos Santos Netto que nasceu na Bahia em 17 de setembro de 1920 e faleceu em 1º de setembro de 2011. Formou-se pela Faculdade de Medicina da Bahia em 1944.

São sessenta e sete anos da mais pura e legítima arte de curar, do mais edificante exemplo de amor à educação e à medicina. São cinqüenta e oito anos de dedicação à Santa Casa de Misericórdia e ao Hospital Santa Izabel. São cinqüenta e quatro anos de colaboração com a Liga Bahiana Contra o Câncer. São quarenta e um anos de exercício nos Institutos de Previdência Social. São quarenta e dois anos de edificante labor na Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública onde você burilou mais de oito mil alunos, hoje médicos espalhados pelos mais distantes rincões do Brasil. São trinta anos de ensino na Universidade Católica do Salvador onde, por suas mãos passaram milhares de discípulos. São vinte e dois anos nas faculdades da terceira idade. São dezenas e dezenas de anos de vida edificante na Academia de Medicina da Bahia, na Academia Bahiana de Educação, no Colégio Internacional de Cirurgiões, no Capítulo Brasileiro dos Cirurgiões, no Instituto Bahiano de História da Medicina e Ciências Afins. São mais de meio século de dedicação ao Instituto Brasileiro Para Investigação da Tuberculose e à Fundação José Silveira. São anos e anos de participação junto à Associação Bahiana de Medicina, ao Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia, às diversas Academias e Institutos científicos e culturais dos quais você foi Presidente, Membro Honorário, Membro Emérito ou Membro Titular.”


Geraldo Leite



2 - DOS OBJETIVOS



2.1 - Apresenta os seguintes objetivos:

I - estimular o exercício ético profissional da Medicina;

II - identificar, valorizar e divulgar trabalhos das diversas áreas do conhecimento;

III - promover a reflexão e a pesquisa sobre a História da Medicina e Ciências Afins.

2.2 - O trabalho, a ser apresentado, deve versar sobre História da Medicina.




3 – DO PRÊMIO


3.1 - O Prêmio será atribuído a duas categorias:

I - Diplomados;

II - Acadêmicos matriculados em Curso Superior.

3.2 - O Prêmio será outorgado ao primeiro classificado em cada uma das duas categorias.

3.3 - A edição do Premio 2016 terá as seguintes premiações:

I – Diploma;

II - Medalha

3.4 - O trabalho premiado em cada categoria será divulgado no site www.ibhm.org.br

3.5 – Caso nenhum dos trabalhos inscritos cumpra os requisitos do Premio de História da Medicina Professor Jesuino Netto, o IBHM deliberará por não outorgar o Prêmio.

3.6 - A premiação será feita em 24 de novembro de 2016, em reunião solene do sodalício.



4 - DA INSCRIÇÃO E ENTREGA DE DOCUMENTOS



4.1 – As inscrições serão iniciadas no dia 25 do mês de Julho e encerradas no dia 24 do mês de outubro de 2016.

4.2 - A inscrição está aberta para trabalhos, de caráter individual e indivisível, sendo que cada participante só pode inscrever um trabalho por edição do Prêmio.

4.3 - A inscrição será efetuada na sede do IBHM, das 9h às 12h, de 3as e 5as, ou pelo Correio Postal. Deverá ser entregue uma cópia em papel e outra eletrônica. A documentação enviada pelos Correios após a data limite de inscrição não será aceita, valendo a data do carimbo do Correio Postal.

4.4 - O Destinatário das inscrições pelo Correio Postal é:


Instituto Bahiano de História da Medicina e Ciências Afins

Largo do Terreiro de Jesus, s/n – Faculdade de Medicina da Bahia.

40025 010 – Salvador – Bahia – Brasil



4.5 - Anexos não eletrônicos (vídeos, publicações, matérias jornalísticas, fotos com legenda, dentre outros), deverão ser entregues com os documentos de inscrição, identificados claramente.

4.6 - Documentos e anexos referentes às inscrições recebidas não serão devolvidos.

4.7 - Os participantes preencherão uma ficha de inscrição, na qual definirão sua categoria. A ficha de inscrição acompanhará a entrega do trabalho.

4.8 - A ficha de inscrição bem como o trabalho submetido não poderão sofrer alterações nos seus respectivos conteúdos após terem sido enviados ao IBHM.

4.9 - Uma vez recebidos os trabalhos, eles serão datados, carimbados, rubricados e codificados pelo IBHM.

4.10 - No ato da inscrição do trabalho, o autor deverá preencher o documento de Cessão de Direitos Autorais ao IBHM.

4.11 - As inscrições feitas fora do prazo definido neste EDITAL ou com dados e informações incompletos não serão validadas.

4.12 - Ao formalizar a inscrição, o candidato acata os termos do Regulamento e do EDITAL, e, reconhece a soberania da Comissão Julgadora do Prêmio de História da Medicina Professor Jesuino Netto.

5– DO TRABALHO



5.1 - Não podem concorrer trabalhos já publicados ou apresentados em Congressos, nem aqueles que tenham semelhança com trabalhos já apresentados.

5.2 - O trabalho deverá ser apresentado em Língua Portuguesa, em respeito à Norma Culta Brasileira. Deverá obedecer aos padrões vigentes da ABNT para trabalhos científicos correspondentes ao ano de 2016.

5.3 - Os trabalhos serão julgados sem o conhecimento do nome do autor e de sua procedência.




6 – DO JULGAMENTO E DAS COMISSÕES JULGADORAS



6.1 - O IBHM analisará as inscrições ao Prêmio e apenas validará aquelas que tiverem respeitado o seu Regulamento e o EDITAL.

6.2 - O candidato que tiver sua inscrição aceita, de acordo com este EDITAL, receberá um Certificado de Participação.

6.3 - Para cada categoria, a escolha do premiado será realizada por 01 (uma) Comissão Julgadora, criada pelo Presidente do IBHM, composta de 3 (três) membros: 1 (um) Presidente, confrade do IBHM e 2 (dois) outros membros escolhidos entre pessoas da Comunidade Científica e Tecnológica, designados pelo Presidente do IBHM.

6.4 - A Comissão Julgadora, se reunirá em dias, horários e locais previamente determinados.

6.5 - Em caso de impedimento de qualquer membro da Comissão Julgadora, o IBHM indicará o seu substituto.

6.6 - Os membros das Comissões Julgadoras não podem participar de qualquer trabalho concorrente ou ter relação de parentesco ou de afinidade com nenhum autor.

6.7 - As comissões julgadoras não estabelecerão classificação dos trabalhos inscritos para além dos três primeiros colocados.

6.8 -- A Comunicação dos Resultados será feita imediatamente após a conclusão dos trabalhos, no site w.w.w.ibhmca.org.br e aos finalistas pelos meios por eles informados.

6.9 - As decisões das Comissões Julgadoras não serão suscetíveis de recursos ou impugnações em qualquer etapa do processo e da premiação.

6.10 - A Comissão Julgadora observará confidencialidade relativa aos inscritos e às deliberações.

6.11 - Ao final da análise será elaborada uma Ata com os dados da análise efetuada e a atribuição do prêmio.



7 - CRITÉRIOS DE JULGAMENTO



7.1 - Os trabalhos dos candidatos serão avaliados considerando os seguintes critérios:

a) Qualidade do texto quanto à linguagem (objetividade e clareza)

b) Originalidade e inovação

c) Contribuição ao conhecimento

d) Relevância do tema e da questão em discussão.


8 - DAS CONSIDERAÇÕES FINAIS



8.1 - Este EDITAL do Prêmio de História da Medicina Professor Jesuino Netto entrará em vigor na data da sua publicação.

8.2 - Ao se inscreverem, os participantes autorizam automaticamente o IBHM utilizar, editar, publicar e reproduzir, por meio de jornais, revistas, televisão, rádio e internet, imagens, conteúdos e qualquer informação, sem restrição de espécie alguma.

8.3 - Os agraciados concordam com a divulgação do resultado do Prêmio e dos trabalhos inscritos, comprometendo-se a comparecer à solenidade de entrega do Prêmio, na qualidade de convidados do IBHM. O não comparecimento por motivo não justificado, implicará a desclassificação automática do candidato.

8.4 - Os casos omissos serão resolvidos pelo IBHM.





Salvador, 30 de março de 2016

_____________________________

Jorge Raimundo de Cerqueira e Silva

Presidente